Gostou do Blog? Divulgue nas Redes Sociais Clicando nos Ícones Abaixo!

Seguidores

♪♫ Link do CD Esta Off ? Faça Seu Pedido Por EMAIL ♫♪
  • EMAIL: <<®>> CLIQUE AQUI E FALE CONOSCO <<®>>
  • ATENÇÃO: TODOS OS TEMAS DE NOVELAS ESTÃO COM OS LINKs ATUALIZADOS!

    sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

    Marco Antônio - O Pranto dos Meus Olhos MP3






    Baixar→ Download







    Este Arquivo Foi Gentilmente Cedido Pelo Amigo:* Vicente Rodrigues
    do Blog Cariré em Revista! * Desde já Agradecimentos Pela Valiosa
    Contribuição Que Enriquece Cada Dia Mais o Acêrvo Musical Deste SITE!

    01. Marco Antonio - Ave sem ninho (3:02)
    02. Marco Antonio - A noite o lua (2:54)
    03. Marco Antonio - Abre a porta (2:43)
    04. Marco Antonio - Andaluza (2:18)
    05. Marco Antonio - Deus Esteja Nesta Casa (2:16)
    06. Marco Antonio - Nossas aliança (3:03)
    07. Marco Antonio - Nosso amor ti (2:22)
    08. Marco Antonio - O Pranto dos Meus Olhos (2:49)
    09. Marco Antonio - Se eu pudesse lhe dar o perdão (2:44)
    10. Marco Antonio - Tu seras a estrela guia (2:31)
    11. Marco Antonio - É bom ser bom (2:38)

    Dados Artísticos

    Iniciou a carreira artística em meados da década de 1950. Contratado pela Columbia, gravou em 1954, a batucada "Você chorou", de Átila Bezerra, Sebastião Gomes e Jorge Gonçalves, e a marcha "Ximbica resfriada", de Alneida Freire, Murilo Vieira e A. Vanderley. Foi para a RGE e gravou em 1961, com acompanhamento do conjunto RGE os sambas "Mulher de trinta", de Luiz Antonio, e "Samba de improviso", de Haroldo Barbosa e Luis Reis, e os boleros "Beija-me depois", de Evaldo Gouveia e Jair Amorim, e "Volta", de Ciro de Souza e Antônio Moreira. Em 1962, gravou a marcha "Sujaram a barra", de Nello Nunes, A. Batista e Guguta; o samba "É menino", de Antoninho Lopes, Zé da Vila e Ramandini; o bolero "Chega", de A. F. Conceição e Espírito Santo, e a guarânia "Contando os dias", de Lupicínio Rodrigues. Nesse ano, participou da coletânea "14 sucessos de ouro - Vol. 2" da RGE interpretando em dueto com a cantora Elza Laranjeira a balada "Amor".
    Em 1964, lançou aquele que acabou sendo seu último disco, o LP "Tu serás a estrela guia" gravado pela Odeon e no qual interpretou as músicas "Se eu pudesse lhe dar o perdão", de Marino Pinto e Carlos Marques; "Andaluza" e "Espera mais um pouco", de Cyro Monteiro e Dias da Cruz; "A noite o luar e alguém", de Cid Magalhães e Amâncio Cardoso; "O pranto dos meus olhos", de Neco e J. Pereira; "É bom ser bom", de Fernando Barreto; "Abre a porta", de Rutinaldo; "Tu serás a estrela guia" e "Deus esteja nesta casa", de Maurílio Lopes e Flávio Carvalho; "Ave sem ninho", de Nilo Barbosa e Geraldo Morais; "Nosso amor tinha raiz", de Paulo Marques e Jorge Ramos, e "Nossas alianças", de Paulo Gesta e Jorge Smera. Começou a fazer bastante sucesso com a balada "Nossas alianças", sendo tocada nas Rádios quando sofreu o trágico acidente no qual veio a falecer.(DICIONÁRIO DE CRAVO ALBIN
    Postar um comentário
    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...